MANIFESTAÇÃO PELAS CRIANÇAS VÍTIMAS DE BALA PERDIDA

Postado por Anderson Oliveira, 30 de Janeiro 2017


O Rio de Paz realizou, no dia 23 de janmeiro, na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, uma manifestação para protestar contra a morte de crianças por bala perdida no Estado do Rio de Janeiro.

Nos últimos dois anos, 18 crianças tiveram o mesmo destino da menina Sofia Lara Braga, de apenas dois anos, que teve a vida interrompida, na noite de sábado (21), por uma bala perdida que atingiu o seu rosto, no bairro do Irajá, Zona Norte do Rio.

Manifestantes levaram para as areias da praia placas com os nomes de 31 crianças vítimas de bala perdida entre 2007 e 2017. Um policial militar prestou homenagem à Sofia, filha de soldado do 16º batalhão da Polícia Militar do Rio de Janeiro. Uma bandeira do Brasil, com dezenas de furos, foi estendida entre os cartazes.

O número de vítimas pode ser maior, uma vez que esses são apenas os casos que acompanhamos. Não incluímos nessa lista, crianças que foram também vítimas da criminalidade, mas de outra forma, como, por exemplo, morte em assalto.


"O direito à vida é inegociável. Uma cidade não pode se calar quando testemunha a violação do direito mais importante, praticado contra o que mais depende da sociedade e do poder público para ter esse mesmo direito defendido".


Antônio C. Costa
Fundador do Rio de Paz



Confira a cobertura do protesto no G1 e no O Globo.

FEED DE NOTÍCIAS

rio de paz

INSTAGRAM
SIGA O @RIODEPAZ

FACEBOOK

TAGS

manifestação, morte, protesto, crime

MAIS TAGS


2017 Rio de Paz. All Rights Reserved ©
Design e conteúdo: Approach Comunicação Integrada / Desenvolvimento: InFront Informatização Empresarial
Endereço: Av. Ernani do Amaral Peixoto, nº 55 - Grupo 209 - Centro, Niterói/RJ. CEP. 24.020-070. E-mail: adm@riodepaz.org.br